sábado, julho 04, 2015

Falando de castelos

Publicamos este mês uma edição especial sobre os Castelos e Muralhas do Mondego, rede que une municípios na zona centro que tutelam património directamente associado à formação da nacionalidade. Entre os vários monumentos da Rede, fiquei perdido por este castelinho em Penela. Lindíssimo. Bem conservado. Com uma história rica e atribulada. A Anyforms Design de Comunicação ilustrou. O Antonio Luis Campos fotografou. O Paulo Rolão escreveu. A professora Luísa Trindade, da Universidade de Coimbra, esclareceu todas as dúvidas e forneceu informação preciosa. Esta e outras surpresas estão nas bancas este mês.

2 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Gonçalamigo

A convite dos Amigos dos Castelos tive o privilégio de conhecer Penela. Um espantooo! - como diria o Jô Soares.

Sei que estou em falta contigo, do que te peço desculpa; mas embrenhado na estória da Vina e do Vic (ve na Travessa) não tenho tido muito tempo para acorrer a tudo. Mas, juro-te que não te esqueci...

Como vai a saúde? Oxalá já estejas em forma...

Abç do alfacinha descuidado

PS (sou, mas aqui é Post Scriptum…) A pernoca já não é marota graças às mãos de fada da fisioterapeuta Alexandra. E bengala também se foi…

Gonçalo Pereira disse...

Caríssimo Henrique.
Não estás nada em falta. Quando der, dará! Sem urgências nem pressões.
Fico muito satisfeito pela tua recuperação. Não sentirás falta da bengala nem das hesitações da pernoca! Pena teres perdido o melhor de Goa este ano, mas haverá outras ocasiões.

Vou seguindo a narrativa na Travessa. Estrutura-se como um livro... Corrijo... Um bom livro! Gosto do modelo do capítulo em folhetim, tão pouco testado em Portugal.

Eu recupero do susto. O veredicto final será em Setembro, mas caminha para se resolver!
Inch'Allah!

Grande abraço amigo.